Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Trevo de ideias — Emmanuel


4


Sê tu quem ame

1 Não esperes pela ofensa de quem ainda te não pode compreender para exercitares o perdão.

2 Reconcilia-te com a vida, com as leis que te regem, com os irmãos de experiência que seguem ao teu lado, cada dia.

3 Cessemos a produção da crítica envenenada, apaguemos os impulsos de destruição, emudeçamos a palavra amarga, afastemo-nos em definitivo, da injúria, da maldade, da ingratidão.

4 Não bastam afirmativas labiais de bondade.

5 Não valem promessas constantemente adiadas de apaziguamento e colaboração.

6 É indispensável pensar e agir em termos de amor, confiando alma e coração à fraternidade.

7 Alguém nos desatende? Prossigamos servindo.

8 Há quem nos atire espinhos da indiferença? Avancemos no plantio do bem.

9 Se o clima social não nos favorece, saibamos favorecê-lo com a reafirmação de nossos testemunhos de trabalho incessante, no culto da consciência reta.

10 Se a instituição a que pretendemos auxiliar não nos estende o concurso sincero, façamos silêncio e continuemos oferecendo o melhor de nós mesmos aos companheiros de ideal.

11 Apaguemos a fogueira do ódio em nossas manifestações verbalísticas e acendamos a luz da solidariedade para com todos, a fim de que o nosso passo seja útil na senda de nossos semelhantes.

12 O mundo está repleto de censores, de juízes gratuitos, de gênios da sombra, invariavelmente prontos a atacar e perturbar, de petroleiros da discórdia e da separação!…

13 Sê tu quem auxilie, quem encoraje a esperança, quem aclare o caminho e quem estende sobre a vida o manto da paz, e terás brilhando sobre ti a luz do Mestre Divino, que, em se imolando, por amor, na cruz do sacrifício, reconciliou o transviado homem da Terra com a Luz Celestial.


.Emmanuel


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir