Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Caminho, Verdade e Vida — Emmanuel


74


Mãos limpas

“E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias.” — (ATOS, 19.11)


1 O Evangelho não nos diz que Paulo de Tarso fazia maravilhas, mas que Deus operava maravilhas extraordinárias por intermédio das mãos dele.

2 O Pai fará sempre o mesmo, utilizando todos os filhos que lhe apresentarem mãos limpas.

3 Muitos Espíritos, mais convencionalistas que propriamente religiosos, encontraram nessa notícia dos Atos uma informação sobre determinados privilégios que teriam sido concedidos ao Apóstolo.

4 Antes de tudo, porém, é preciso saber que semelhante concessão não é exclusiva. A maioria dos crentes prefere fixar o Paulo santificado sem apreciar o trabalhador militante.

5 Quanto custou ao Apóstolo a limpeza das mãos? Raros indagam relativamente a isso.

6 Recordemos que o amigo da gentilidade fora rabino famoso em Jerusalém, movimentara-se entre elevados encargos públicos, detivera dominadoras situações; 7 no entanto, para que o Todo-Poderoso lhe utilizasse as mãos, sofreu todas as humilhações e dispôs-se a todos os sacrifícios pelo bem dos semelhantes. 8 Ensinou o Evangelho sob zombarias e açoites, aflições e pedradas. 9 Apesar de escrever luminosas epístolas, jamais abandonou o tear humilde até à velhice do corpo.

10 Considera as particularidades do assunto e observa que Deus é sempre o mesmo Pai, que a misericórdia divina não se modificou, mas pede mãos limpas para os serviços edificantes, junto à Humanidade. Tal exigência é lógica e necessária, pois o trabalho do Altíssimo deve resplandecer sobre os caminhos humanos.


.Emmanuel


.Emmanuel


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir