Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico Xavier — Mandato de amor — Autores diversos — 2ª Parte


38


Saudade

1 Agradeço-te o socorro que me deste

Quando caí do conforto do ninho…

Beijaste-me no lenço de alvo linho,

Mas regressaste, cedo, à Luz Celeste…


2 Venho rogar em teu lar de cipreste,

Em que foste bondade, alegria, carinho

E o apoio da fé na secura do agreste,

Que serão luz e vida em meu caminho.


3 Estou no Além… Já procurei-te, em vão,

E seguirei, enfim, onde possa chamar-te,

Sempre com Deus em minha devoção…


4 Confio em ti, vida de minha vida,

Um dia, hei de encontrar-te, Mãe querida,

Pela saudade atroz do coração.


.Luís de Oliveira



(Soneto recebido pelo médium Francisco Cândido Xavier, em reunião pública do Grupo Espírita da Prece, na noite de 23 de março de 1991, em Uberaba, Minas Gerais. Fonte: “O Espírita Mineiro”, número 216 março/abril de 1991.)

Esta mensagem foi publicada em dezembro de 1992 pela editora GEEM e é a 28ª lição do livro “Preito de Amor


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir