Testamento Xavieriano - Chico Xavier, mandato de amor - 2ª Parte - Capítulo 26

Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Chico Xavier — Mandato de amor — Autores diversos — 2ª Parte


26


Escola

1 Vem e agradece a Deus a mão piedosa e santa,

Que, ao fulgor deste altar, te ilumina e consola,

Aqui, pulsa, imortal, o coração da Escola,

Em cuja glória humilde a terra se levanta.


2 Vem e agradece a Deus a salvadora esmola

Dessa fonte de luz que jorra, vibra e canta,

Na vitória do bem que se eleva e agiganta

Sobre as ruínas do mal em que a treva se isola.


3 Aqui é o ninho excelso, entre o Lar e a Oficina,

Entra e louva a lição que desce cristalina,

Do amor que vem do Céu, alto, puro e fecundo…


4 A Escola que te educa e sustenta a subida

É o templo em que o Senhor nos enaltece a vida,

Exalçando a beleza e a redenção do mundo.


.Olavo Bilac



(Poesia psicografada por Francisco Cândido Xavier, no dia 16 de novembro de 1954, por ocasião da inauguração oficial do Ginásio “O Precursor”, em Belo horizonte. Inserida no livro “Taça de Luz”. Fonte: “O Espírita Mineiro”, números 33/34, novembro/dezembro de 1954.)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir