Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Cartas do Coração — Autores diversos — 2ª Parte


20


Santa fraternidade

  1 Qualquer seja a fé que adotes

  Nos templos da Humanidade,

  Rende culto fervoroso

  À santa fraternidade


  2 A pregação sem exemplos

  É um lindo jardim na treva…

  Todo verbo sem ação

  É folha que o vento leva.


  3 Sem que repartas com os outros

  Os dons que o Senhor te deu,

  Viverás sempre algemado

  Às sombras do próprio “eu’.


  4 De que nos serve a oração

  De puros e nobres traços?

  Que respira a inércia escura

  De quem nunca move os braços?


  5 Religião é caminho

  De sublime comunhão

  Que o Céu abre, cada dia,

  À marcha do coração.


  6 A Santa Fraternidade

  É o sol de crentes e incréus.

  Quem se faz o irmão de todos

  É sempre uma luz do céus.


.Casimiro Cunha


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir