Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Antologia dos Imortais — Autores diversos — 2ª Parte


17

Martins Júnior


FILII DEI

  1 Homem! Filho de Deus! Cansado itinerante!

  Fita a glória da Altura e avança, peregrino!

  O livre arbítrio — a grande estrela, alva e constante, n

  Demarca-te o fiel supremo do destino.


  2 Sê prudente, sê bom, sê puro, viandante! 5 n

  Teu passo é ouvido além no Universo Divino,

  Tanto na ação do bem que se alteia abundante,

  Quanto na ação do mal que freme em desatino!


  3 A clava da Justiça, horizonte a horizonte,

  Da Sublime Harmonia é sempre a Eterna Fonte,

  Seja no peito em flor, seja no peito em chaga. 11


  4 A todo fel da estrada estende a paz em troca,

  Segue, antigo viajor, para Deus que te avoca,

  À luz do Excelso Amor que toda a sombra esmaga!…


José Isidoro MARTINS JÚNIOR — Discípulo ilustre de Tobias Barreto, Martins Júnior foi poeta, orador, jornalista, jurista-filósofo, historiador do Direito e professor catedrático. Membro da Academia Brasileira de Letras. Patrono, na Academia Pernambucana de Letras, da cadeira n° 25. Entre outras homenagens que lhe foram prestadas no Recife, por ocasião de seu primeiro centenário de nascimento, em 1960, o acadêmico Ivan Lins, em sessão especial da Academia Brasileira de Letras, em 7-12-1960, consagrou-lhe brilhante conferência sob o título “Martins Júnior e a poesia científica”. (Recife, Pernambuco, 24 de Novembro de 1860 — Rio de Janeiro, Gb, 22 de Agosto de 1904.)

BIBLIOGRAFIA: Visões de Hoje; Estilhaços; Tela Policroma; e numerosas obras de Direito.



[1] Conquanto correto este alexandrino, pode, contudo, ser lido com acentuação na 4ª, 8ª e 12ª sílabas, como no 5.° verso do poema “Morta-Viva”, de Tela Policroma (apud Supl. Lit. do Jorn. do Com., 19-3-1961): “En/quan/to eu/ vou/ mor/ren/do à/ mín/gua/ de/tu’/al/ma.”

[2] Observem-se dois casos de epímone: “ prudente, bom, puro, viandante!” e “Seja no peito em flor, seja no peito em chaga.” (Veja-se Geir Campos, N. Cl. Nº 32, nota 85, pág. 26.)


(Psicografia de Waldo Vieira)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir