Bíblia do Caminho Testamento Redentor

Epístola de S. Paulo aos Efésios  † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 4  † 

(Versículos e sumário)

4 E assim vos rogo eu, prisioneiro no Senhor, que andeis dignamente na vocação a que fostes chamados,

2 Com toda humildade e mansidão, com paciência, suportando-vos uns aos outros por caridade.

3 Solícitos por conservar a unidade de espírito pelo vínculo da paz.

4 [Em] um corpo e um espírito, como fostes chamados, numa [mesma] esperança [pela] vossa vocação.

5 [Assim como não há senão] um Senhor, uma fé, um batismo,

6 Um Deus e Pai de todos, que é sobre todos e governa todas as coisas, e reside em todos nós.

7 A cada um, porém, foi nos dada a graça, segundo a medida dos dons do Cristo.

8 Pelo que diz: Subindo ao Alto, levou cativo o cativeiro; deu dons aos homens. ( † )

9 Como, porém, subiu? que é isto? senão porque, com efeito, havia descido primeiro às partes inferiores da Terra.

10 Aquele que desceu, esse mesmo é também o que subiu acima de todos os Céus, para [dar] cumprimento a tudo.

11 E ele mesmo deu certamente a uns [a missão de ser] apóstolos, a outros profetas, a outros evangelistas, a outros pastores e doutores.

12 Para a confirmação dos santos nas obras do ministério, na edificação do corpo do Cristo.

13 Até que cheguemos todos à unidade da fé e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, na medida da plena idade do Cristo;

14 Para que já não sejamos meninos vacilantes, nem [nos deixemos] rodopiar por todo vento de doutrina, pela malignidade dos homens, pela astúcia com que induzem ao erro.

15 Mas fazendo verdadeiramente a caridade, cresçamos naquele que para todos é a cabeça, Cristo;

16 A quem todo corpo [a ele] coligado e unido por todas as juntas é alimentado, segundo a atividade própria de cada membro, cresce [assim] no corpo para a sua edificação na caridade.

17 Isto pois digo e testifico no Senhor, que doravante não andeis mais assim como andam os gentios na vaidade de seu senso,

18 Tendo o entendimento obscurecido pelas trevas, alienados da vida de Deus, pela ignorância que há neles e pela cegueira dos seus corações;

19 Que desesperando, por si mesmos se entregaram à dissolução, à obra de toda a impureza, à avareza.

20 Mas vós não aprendestes assim do Cristo.

21 Se é que o ouvistes e nele fostes instruídos, assim como está a verdade em Jesus,

22 Despojando-vos, segundo antiga expressão, do homem velho, que se corrope com seus anseios errôneos.

23 Renovai-vos pois no espírito do vosso entendimento.

24 E revesti-vos do homem novo, que segundo Deus foi criado para a justiça e verdadeira santidade.

25 Pelo que renunciando à mentira, fale cada um a seu próximo a verdade, ( † ) pois somos membros uns dos outros.

26 [Quando vos] irardes, seja sem pecar; não se ponha o sol sobre vossa ira.

27 Não deis lugar ao diabo;

28 Aquele que furtava, não furte mais, mas antes trabalhe, fazendo com suas mãos o que é bom, para ter o que dar ao que padece necessidade.

29 Nenhuma palavra má proceda da vossa boca, senão só a que seja boa para a edificação da fé, para dar graça aos ouvintes.

30 E não contristai o Espírito Santo de Deus; pelo qual estais selados para o dia da redenção.

31 Toda amargura, ira, indignação, gritaria e blasfêmia seja desterrada de vós, assim como toda malícia.

32 Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus por Cristo vos perdoou.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; Novum Testamentum Graece 28th revised edition, edited by Barbara Aland and others; Parallel Greek New Testament by John Hurt


.

Abrir